6 de dezembro de 2012

Importância da valorização do artesanato





Hoje eu vim falar de um assunto muito importante para quem está no mundo do artesanato: como podemos valorizar o nosso trabalho?
Você valoriza o seu trabalho?
Eu sou novata nesse mundo. Há cerca de um ano ganhei a minha máquina e só depois de alguns meses comecei a vender as minhas peças. Mas nesse pouco tempo pude perceber e sentir na pele que muitas vezes o trabalho do artesão é desvalorizado.
Não sei dizer de quem é a culpa, mas alguns artesãos contribuem muito com isso. Como? Vendendo a preços baixíssimos um produto que dá um mega trabalho. Quando ele faz isso, além de não valorizar o seu trabalho, acaba prejudicando a venda de muitos outros profissionais.
As peças que mais faço são bolsas e por isso eu sei o quanto custa cada coisinha, então fico muito indignada quando vejo pessoas vendendo bolsas parecidas com as que eu faço e ganhando R$ 10,00 na peça. Isso não é lucro. Acho que as pessoas fazem a conta de quanto fica o material e pronto. As horas que ela gastou para produzir aquele produto não valeram nada?
Já ouvi comentários do tipo “Mas esse é quase o preço de uma bolsa da Tilibra”. Mas a pessoa não entende que a Tilibra produz milhares de bolsas iguais, e as que eu produzo são peças únicas e originais, sem falar no fato de que os meus materiais são de ótima qualidade, assim como os da Tilibra.
Outro problema que eu enfrento e sei que muitas pessoas também, é ter vergonha de cobrar um preço justo de alguém próximo. A gente acaba cobrando pouco ou, muitas vezes, nem cobrando por algo que deu horas de trabalho.
Nesse ano de costuras eu dei muitas coisas feitas por mim de presente, e algumas vezes por ter vergonha de cobrar. Hoje eu vejo que isso foi um grande erro. É claro que isso não é regra, pois valeu muito a pena fazer algo especial por quem de fato merecia, porém alguns não souberam valorizar o meu trabalho.
Infelizmente, muitas pessoas acham que artesanato é um mero hobby, passatempo ou até mesmo um bico. Mas a verdade é que hoje, muitos artesãos deixaram carreiras para dedicarem-se integralmente ao artesanato. E é desse artesanato que ele espera conseguir a renda necessária para garantir o seu sustento. Então, a valorização do trabalho artesanal é sim muito importante. O trabalho de um artesão deve ser tão valorizado quanto o trabalho de qualquer outro profissional.
O meu objetivo com esse post é abordar um assunto que é tão delicado e, ao mesmo tempo, tão imprescindível na vida de nós artesãos. Espero que essa abordagem nos motive a refletir e, quem sabe, mudar as nossas atitudes que não estão legais.
Peço que quem tiver ideias interessantes sobre como podemos superar essas barreiras, deixe aqui nos comentários, pois acredito que a valorização do nosso trabalho é algo gradativo e que se aprende com o tempo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário